Maxiverso
EsporteAs verdades que mudam conforme a necessidade
EliasCorinthiansChoro

As verdades que mudam conforme a necessidade

Uma onda de postagens corintianas invadiu as redes sociais na semana em que o alvinegro foi eliminado no Campeonato Paulista para o Palmeiras e perdeu a invencibilidade no ano para o São Paulo, na Taça Libertadores da América, sendo posteriormente eliminado de forma vexatória para o Guaraní do Paraguai nas Oitavas-de-Final da competição sul-americana, tendo então encerrado suas participações nos torneios do primeiro semestre de 2015.

FalaciaCorintiana1-300x179 As verdades que mudam conforme a necessidadeO time do Parque São Jorge havia começado a temporada jogando muito bem e convencendo tanto a mídia quanto a torcida. Porém, nas últimas seis partidas, a queda de rendimento é impressionante, já que o Corinthians conseguiu apenas uma vitória (contestadíssima, conta a Ponte Preta), quatro empates (sendo um deles o que resultou na eliminação no Paulistão) e agora essa derrota (jogando mal e de forma apática).

Como sua torcida reagiu a essa má fase? Inundou as redes sociais com mensagens do tipo “Somos bi-mundiais”; “Aqui não tem choro”; “Crise? Faz quantos anos que seu time não é campeão?” e outras nessa linha.

Até aí, normal, afinal, todas as torcidas costumam lembrar de suas glórias nos momentos de contestação, pois assim conseguem impor respeito e mostrar que a fase pode ser ruim, mas seu time já mostrou do que é capaz.

FalaciaCorintiana2 As verdades que mudam conforme a necessidadeA ironia da história é vermos isso sendo feito pelos torcedores que, até 2012, gabavam-se de não ligar para títulos, além de criticar ferrenhamente quem invocava conquistas e glórias passadas, alegando que quem vive de passado é museu.

A impressão que temos é a de que até 2012 os próprios torcedores não viam no Corinthians muitos motivos pra se orgulhar de sua história e suas conquistas, principalmente perante os maiores rivais, de modo que desdenhavam a importância dos títulos. Claro. Como naquele ano, no entanto, finalmente venceram a sonhada Libertadores e também o Mundial, então puderam entrar nessa onda de, a cada derrota, fazer referência ao seu passado, que agora consideram glorioso, e à galeria de títulos conquistados, que agora lhes dá mais orgulho.

Ah, e quanto ao “Aqui não tem choro”, alguém precisa avisar Gil e Elias dessa nova frase de efeito, pois eles costumam chorar bastante nas eliminações, conforme pudemos ver.

Update (13/08/15):

CdZ_18rodada-300x150 As verdades que mudam conforme a necessidadeO Corinthians alcançou a liderança do Brasileirão após se beneficiar com 3 pontos em duas partidas seguidas, quando a) o árbitro não marcou um pênalti a favor do São Paulo no Morumbi em partida que terminou empatada (1×1) e na qual Tite e a Comissão de Arbitragem confirmaram o erro a favor do Corinthians, e na rodada seguinte b) o árbitro deu um pênalti em jogada idêntica, no Itaquerão, desta vez a favor do alvinegro, que assim venceu o jogo (4×3).

Por ocasião da liderança alcançada graças às benesses da arbitragem, nova onda de postagens nas redes sociais. Nessa ocasião, vimos o famoso #OChoroÉLivre, dito pelos corintianos aos torcedores rivais. Alguns, além disso, provocam, riem e dizem que #RoubadoÉMaisGostoso. Estranhamente, semanas antes, estavam indignados com as divulgações de escutas sobre a arbitragem da partida Corinthians 1×1 Boca Juniors na Libertadores de 2013, quando há indícios de que a escalação do árbitro objetivava favorecimento aos argentinos.

20354355369_dccf36c89b_o-300x172 As verdades que mudam conforme a necessidadePorque se julgaram tão prejudicados em um caso, pedindo indenização, moralização e o escambáu, mas quando o erro é costumeiramente a favor, portam-se de forma tão receptiva às vantagens obtidas com as falhas dos árbitros?

Interessante esse comportamento. Interessante como as verdades mudam conforme as necessidades.


Publicado originalmente na edição de 25/26 de abril de 2015 do Jornal A Cidade

Avaliação
The following two tabs change content below.
AvatarRalph-144x144 As verdades que mudam conforme a necessidade

Ralph Luiz Solera

Escritor e quadrinhista, pai de uma linda padawan, aprecia tanto Marvel quanto DC, tanto Star Wars quanto Star Trek, tanto o Coyote quanto o Papaléguas. Tem fé na escrita, pois a considera a maior invenção do Homem... depois do hot roll e do Van Halen, claro.

leave a reply

Contate-nos

Contate-nos por email ou nos procure nas redes sociais

soleblog.brasil@gmail.com

  • Top 7 personagens icônicos de séries
  • Top 7 Filmes diferentes do convencional
  • Top 7 Maiores Compositores de Trilhas Sonoras do Cinema
  • Top 7 robôs mais importantes da ficção II
Back to Top