Maxiverso
CINEMACríticasDiversosOscarOUTROSOscar 2017 : Resultados e Críticas
Oscar_3

Oscar 2017 : Resultados e Críticas

Oscar_1 Oscar 2017 : Resultados e Críticas

Bem, ainda que tardio, estamos nos refazendo da cerimônia do Oscar 2017 que contou com a apresentação de Jimmy Kimmel com algumas piadas funcionais e críticas, mas com uma presença pouco marcante.

Premiação esta que nos números consagrou La La Land, mas que moralmente o grande vencedor foi Moonlight e a diversidade – que esperamos não ficar restrito a este ano . Antes de tudo não vamos entrar em discussões ou fortalecer os pensamentos de “Viu?” “Bem feito” para o musical, pois seria injusto.

Ambas são ótimas obras e o que ocorreu na entrega do premio de melhor filme foi desconcertante para La La Land (que não merecia passar por isso) e anticlímax para Moonlight (que merecia ter ganhado com todas as pompas e honras devidas). Lembrando também que a responsabilidade foi um erro coletivo, principalmente do auditor da PricewaterhouseCoopers que entregou o envelope errado a Warren Beatty e Faye Dunaway (ressaltando que o próprio Beatty achou estranho o envelope e olhou de maneira surpresa para sua colega) que leu o envelope no automático.

Enfim, abaixo uma pequena análise de cada prêmio em que poucas foram realmente surpresas – acertamos  19 das 24.

Melhor Filme

Assim como 99,9 % das apostas, erramos. Moonlight superou o favorito La La Land ratificando a diversidade na premiação de um filme com orçamento baixo, composto por um elenco negro e com temática gay (mais emblemático impossível). Lembrando que todas as críticas dos filmes concorrentes estão disponíveis no site maxiverso.com.br

Moonlight

La La Land

Até o ultimo Homem

Um Limite entre Nós

A Chegada

Lion

Manchester a beira Mar

A qualquer custo

Estrelas Além do Tempo


DIREÇÃO

Como não poderia deixar de ser, Damien Chazelle levou. Novamente , assim como no ano passado com Spotlight , o melhor diretor não levou de melhor filme.  Uma falta de lógica interessante que esta se tornando comum. Acertamos.

  • A Chegada, Denis Villeneuve
  • Até o último homem, Mel Gibson
  • La la land: Cantando estações, Damien Chazelle 
  • Manchester à beira-mar, Kenneth Lonergan
  • Moonlight: sob a luz do luar, Barry Jenkins

ATRIZ

Barbada da Noite. Emma Stone era franca favorita e acabou sendo o estopim para a maior gafe do Oscar. Voto contado. rs

  • Isabelle Huppert, Elle
  • Ruth Negga, Loving
  • Natalie Portman, Jackie
  • Emma Stone, La la land: Cantando estações
  • Meryl Streep, Florence: Quem é essa mulher?

ATOR

Mesmo que no fundo Denzel Washington teve chances, Affleck já tinha aberto uma grande vantagem antes e levou a disputa merecidamente. Acertamos.

  • Casey Affleck, Manchester à Beira-mar
  • Andrew Garfield, Até o último Homem
  • Ryan Gosling, La la land: Cantando estações
  • Viggo Mortensen, Capitão Fantástico
  • Denzel Washington, Um limite entre nós

 ATRIZ COADJUVANTE

Depois de bater na trave duas vezes, Viola Davis finalmente foi agraciada. Viva a poderosa Viola Davis.

  • Viola Davis, Um limite entre nós
  • Naomie Harris, Moonlight: sob a luz do luar
  • Nicole Kidman, Lion: Uma jornada para casa
  • Octavia Spencer, Estrelas além do tempo
  • Michelle Williams, Manchester à beira-mar

ATOR COADJUVANTE

Mahershala Ali não deu chance. Levou e iniciou a noite de Moonlight. Diversidade.

  • Mahershala Ali, Moonlight: sob a luz do luar
  • Jeff Bridges, A qualquer custo
  • Lucas Hedges, Manchester à beira-mar
  • Dev Patel, Lion: Uma jornada para casa
  • Michael Shannon, Animais noturnos

FOTOGRAFIA

Um dos seis Oscars de La La Land. Sem grandes surpresas, mesmo que a fotografia de Moonlight fosse mais sutil e contextualizada.

  • A Chegada
  • La la land: Cantando estações
  • Lion: uma jornada para casa
  • Moonlight: sob a luz do luar
  • Silêncio

LONGA DOCUMENTÁRIO

OJ: Made in America não deixou brechas. Mas por favor ,vejam os outros candidatos.

  • Fogo no mar, Gianfranco Rosi
  • I am not your negro, Raoul Peck
  • Life, animated, Roger Ross Williams
  • O.J.: made in America, Ezra Edelman
  • A 13ª Emenda, Ava DuVernay

 CURTA DOCUMENTÁRIO

Relevante e primordial. Capacetes Brancos

  • Extremis
  • 4.1 miles
  • Joe’s violin
  • Watani: my homeland
  • The White Helmets

FILME ESTRANGEIRO

Mais icônico impossível. Depois da proibição americana a alguns países, o Oscar ir para o bom O apartamento é um belo posicionamento da academia.

  • Terra de minas (Dinamarca)
  • Um homem chamado Ove (Suécia)
  • O apartamento (Irã)
  • Tanna (Austrália)
  • Toni Erdmann (Alemanha)

MIXAGEM DE SOM

Ok,  Até o Ultimo Homem. Mereceu

  • A Chegada
  • Até o último homem
  • La la land: Cantando estações
  • Rogue One: uma história Star Wars
  • 13 horas: os soldados secretos de Benghazi

EFEITOS VISUAIS

Menino Lobo realmente é fantástico neste quesito que  servem bem a narrativa do filme.

  • Horizonte profundo: desastre no Golfo
  • Doutor Estranho
  • Mogli: o menino lobo
  • Kubo e as cordas mágicas
  • Rogue One: uma história Star Wars

MAQUIAGEM

Um Oscar em maquiagem não torna um filme em bom, ok?

  • Um homem chamado Ove
  • Star Trek: sem fronteiras
  • Esquadrão suicida

FIGURINO

Umas das gratas surpresas da noite. ”Animais fantásticos …” realmente fez um belo trabalho e superando o favoritismo de La La Land. Erramos na previsão, mas sem problema.

  • Aliados
  • Animais fantásticos e onde habitam
  • Florence: quem é essa mulher?
  • Jackie
  • La la land: Cantando estações

EDIÇÃO DE SOM

Cravamos e acertamos. A Chegada merecia mais.

  • A Chegada
  • Horizonte profundo: desastre no Golfo
  • Até o último homem
  • La la land: Cantando estações
  • Sully: o heroi do Rio Hudson

DIREÇÃO DE ARTE

La La Land leva merecidamente. Pois transportou todo a áurea nostálgica dos musicais e do cinema. Mas juro que Moonlight merecia também

  • A Chegada
  • Animais fantásticos e onde habitam
  • Ave, César
  • La la land: Cantando estações
  • Passageiros

TRILHA SONORA

Barbada da Noite.

  • Jackie
  • La la land: Cantando estações
  • Lion: uma jornada para casa
  • Moonlight: sob a luz do luar
  • Passageiros

CANÇÃO ORIGINAL

Barbada da Noite.

  • Audition (The fools who dream), de La la land: Cantando estações
  • Can’t stop the feeling, de Trolls
  • City of stars, de La la land: Cantando estações
  • The empty chair, de Jim: The James Foley Story
  • How far I go, de Moana: um mar de aventuras

 ROTEIRO ORIGINAL

Manchester à Beira-mar. Ninguem fica indiferente a historia de dor e perda que carregamos nas nossas vidas

  • A qualquer custo
  • La la land: Cantando estações
  • O lagosta
  • Manchester à beira-mar
  • 20th Century women

ROTEIRO ADAPTADO

Juro que torcíamos pela Chegada, mas era obvio que Moonlight é brilhante em transpor um clima quase existencialista a sua narrativa

  •  A Chegada
  • Um limite entre nós
  • Estrelas além do tempo
  • Lion: uma jornada para casa
  • Moonlight: sob a luz do luar

 LONGA DE ANIMAÇÃO

Acertamos o que era óbvio , Zootopia da Disney

  • Kubo e as cordas mágicas
  • Moana: um mar de aventuras
  • Minha vida de abobrinha
  • A tartaruga vermelha
  • Zootopia

CURTA ANIMADO

Piper – Descobrindo o Mundo. Acertamos o que era bem previsível.

  • Blind Vaysha
  • Borrowed Time
  • Pear Cider and cigarettes
  • Pearl
  • Piper

 EDIÇÃO

Uma das decepções da noite. A Chegada era brilhante e o prêmio sequer foi para Moonlight. Parou nas mãos de Até o ultimo homem.

  • A Chegada
  • Até o último homem
  • A qualquer custo
  • La la land: Cantando estações
  • Moonlight: sob a luz do luar

CURTA-METRAGEM

Crianças e superação. Combinação infalível. Sing levou

  • Ennemis intérieurs, Slim Azzazi
  • La femme et le TGV, Timo von Gunten e Giacun Caduff
  • Silent nights, Aske Bang e Kim Magnusson
  • Sing’, Kristof Deak e Anna Udvardy
  • Timecode, Juanjo Gimenez
Avaliação
The following two tabs change content below.
RodrigoRodrigues-144x144 Oscar 2017 : Resultados e Críticas

Rodrigo Rodrigues

Amante inexperiente da sétima arte, crítico por insistência, mas cinéfilo acima de tudo. Descobriu ainda jovem certos diretores como Sergio Leone, Billy Wilder, Fellini , Antonioni , Scorsese e sua vida nunca mais foi a mesma. Acredita que a empatia, diálogo e o respeito ao próximo é a maior arma contra o fundamentalismo da sociedade conservadora e fundamentalista de hoje.

leave a reply

Contate-nos

Contate-nos por email ou nos procure nas redes sociais

soleblog.brasil@gmail.com

  • Top 7 personagens icônicos de séries
  • Top 7 Filmes diferentes do convencional
  • Top 7 Maiores Compositores de Trilhas Sonoras do Cinema
  • Top 7 robôs mais importantes da ficção II
Back to Top