Maxiverso

Oscar 2019: Comentários Pós-Cerimônia

Voltamos com nosso exercício anual, agora dos comentários após premiação do Oscar 2019 marcada por surpresas históricas, engajamentos, consagrações, decepções, prêmios absurdos e o fato de não termos um apresentador (nem sentimos falta).

Este ano arriscamos um pouco nos palpites das premiações e alguns riscos foram calculados (como Melhor Filme Estrangeiro, por exemplo), mas alguns exageros (leia-se “Filme do Queen” ter ganho quatro prêmios) baixou nosso índice de acertos com relação ao ano anterior.

Mas vamos lá:

Melhor filme

Eu disse que, caso ganhasse como melhor filme estrangeiro, Roma corria risco na categoria principal. Levando em conta o fato de que a academia não iria ficar laureando a Netflix  com Oscars por atacado, então acabou que esta disputa favoreceu Green Book que não corria risco em sua abordagem e soava até inofensivo.

Pantera Negra
Green Book – O Guia  (vencedor)
A Favorita
Roma *
Vice
Nasce uma Estrela
Infiltrado na Klan
Bohemian Rhapsody

Direção:

Repito o que disse no texto antes da premiação: Dificilmente o prêmio sairia das mãos de Alfonso Cuarón, mesmo que Roma não levasse como melhor filme… !

Pawel Pawlikowski (Guerra Fria)
Spike Lee (Infiltrado na Klan)
Alfonso Cuarón (Roma) * (Vencedor)
Yorgos Lanthimos (A Favorita)
Adam McKay (Vice)

Ator:

Bem, era barbada que Rami Malek ganhasse, mas de todos era justamente o que menos desejava. Com uma atuação que era basicamente uma imitação/dublagem e não interpretação de verdade, como feito por exemplo, por Christian Bale. Isso não significa que a atuação de Malek seja descartável e até disse que era elogiável, mas vencer o Oscar vai uma distância enorme. Mas era muito difícil que não dessem o prêmio para Malik (principalmente pela campanha feita em conjunto com os integrantes ainda vivos do Queen e inúmeras aparições do ator). E a noite ainda ficaria pior!

Bradley Cooper (Nasce uma Estrela)
Willem Dafoe (No Portal da Eternidade)
Viggo Mortensen (Green Book)
Rami Malek (Bohemian Rhapsody) * (vencedor)
Christian Bale (Vice)

Atriz:

A maior surpresa da noite e de muitos anos! Glenn Close era mais que favorita (sem trocadilho) por ter ganhado todos os prêmios antes do Oscar. E como raramente se viu, ela perdeu  – pela sétima vez – a estatueta. Agora, perdeu para a também excelente Olivia Colman com a Rainha Anne de A Favorita. Dificilmente Close terá outra chance, uma pena que aos 72 anos a academia deixou de premiá-la.

Melissa McCarthy (Poderia Me Perdoar?)
Yalitza Aparicio (Roma)
Olivia Colman (A Favorita) (vencedora)
Lady Gaga (Nasce uma Estrela)
Glenn Close (A Esposa) *

Ator Coadjuvante:

Outra barbada da noite e repito o que disse no texto anterior: Ao se candidatar como coadjuvante e não principal, as chances de Mahershala Ali perder eram pequenas. O ator foi muito bem como pianista em Green Book e mereceu seu segundo Oscar em menos em três anos!

Sam Elliott (Nasce uma Estrela)
Sam Rockwell (Vice)
Richard E. Grant (Poderia Me Perdoar?)
Mahershala Ali (Green Book – O Guia) * (vencedor)
Adam Driver (Infiltrado na Klan)

Atriz Coadjuvante:

Novamente vou repetir a previsão: “Emma Stone e Rachel Weisz dividem os votos pelo mesmo filme, fazendo com que Regina King lidere a categoria e tenha grandes chances de vencer”. Fato!

Amy Adams (Vice)
Emma Stone (A Favorita)
Rachel Weisz (A Favorita)
Regina King (Se a Rua Beale Falasse) * (vencedora)
Marina de Tavira (Roma)

Roteiro Original:

A noite para Green Book estava apenas começando, mas não deixou de ser uma surpresa. Na medida certa e conseguindo disfarçar seus problemas morais através de um filme agradável e simpático, o prêmio de roteiro original era até óbvio. Mas A Favorita é infinitamente melhor! E caso pudesse escolher, meu voto iria novamente para o longa.

Green Book – O Guia (vencedor)
Roma
Vice
No Coração das Trevas
A Favorita *

Roteiro Adaptado:

Finalmente Spike Lee ganhou um Oscar para valer. Com seu Infiltrado na Klan, Lee pôde fazer seu aguardado discurso de engajamento contra o governo Trump. Assim como todo governo que prega o ódio! Pena que se repetiu uma sina: 30 anos depois, Spike Lee perdeu para um filme sobre racismo com ”alguém conduzindo alguém” (em 1989, Conduzindo Miss Dayse venceu o Oscar onde um dos concorrentes era Faça a coisa Certa)

Se a Rua Beale Falasse
Nasce uma Estrela
Poderia Me Perdoar?
Infiltrado na Klan * (vencedor)
A Balada de Buster Scruggs

Animação:

Homem Aranha – no Aranhaverso venceu e pode ser um novo paradigma para os estúdios de animação. Finalmente uma obra baseada em quadrinhos vence uma categoria dominada pela Pixar.

WiFi Ralph
Ilha de Cachorros
Homem-Aranha – no Aranhaverso * (vencedor)
Os Incríveis 2
Mirai

Melhor filme estrangeiro:

Com disse antes: Roma ganhando poderemos ter uma surpresa no melhor filme. E tivemos! Mas adoraria ver Guerra Fria ganhando. Junto com Roma é indiscutivelmente um dos melhores filmes do ano.  Assim como os outros candidatos a filme estrangeiro!

Cafarnaum (Líbano)
Nunca Deixe de Lembrar (Alemanha)
Roma (México)  (vencedor)
Guerra Fria (Polônia) *
Assunto de Família (Japão)

Documentário:

Seguindo a lógica, Free Solo. 

Of Fathers and Sons
Free Solo * (vencedor)
RBG
Minding the Gap
Hale County this Morning, the Evening

Direção de Arte:

A aposta em A Favorita era normal. Mas não poderia ter ignorado o poder de Wakanda!

Roma
Pantera Negra (vencedor)
O Retorno de Mary Poppins
A Favorita *
O Primeiro Homem 

Fotografia:

Comentei que a fotografia de Roma tinha uma textura preta e branca como raramente vi. Lindíssimo!

Guerra Fria
Nunca Deixe de Lembrar
Roma * (vencedor)
Nasce uma Estrela
A Favorita

Figurino:

Seguindo a lógica da direção de artes, figurino é um dos grandes destaques de A Favorita. Ledo engano, Pantera Negra supera o tom classicista de A Favorita e ao mesmo tempo celebra a carreira da figurinista Ruth E. Carter.

O Retorno de Mary Poppins
Pantera Negra (vencedor)
A Favorita *
A Balada de Buster Scruggs
Duas Rainhas

Maquiagem:

Outra categoria que não tivemos surpresa. Vice na cabeça!

Vice* (vencedor)
Border
Duas Rainhas

Edição:

O maior absurdo da noite! Bohemian Rhapsody ganhando como melhor edição soa tão ofensivo que a cada premio ofertado depois disso nos parecia um “Gol da Alemanha”. Não há um momento do filme que justifique o prêmio. Um bando de cenas jogadas umas atrás das outras com números musicas no meio! Sim, fiquei revoltado com este prêmio! Juro que se fosse para premiar tal filme, que não transmitissem a entrega como anunciaram antes.

Bohemian Rhapsody (vencedor)
Green Book – O Guia
Vice *
A Favorita
Infiltrado na Klan

Trilha Sonora:

Meu voto foi para Se a Rua Beale Falasse e ainda me faz sentir por merecer. Desta vez acho que Pantera Negra não era a melhor escolha.

Pantera Negra (vencedor)
O Retorno de Mary Poppins
Infiltrado na Klan
Se a Rua Beale Falasse *
Ilha de Cachorros

Canção Original:

Shallow ganhou vários prêmios e conta com um diferencial na audiência: Lady Gaga! A apresentação com Bradley Cooper não foi das melhores, mas os fãs pouco ligaram para isso!

“I’ll Fight” (RBG)
“The Place Where Los Things Go” (O Retorno de Mary Poppins)
“When a Cowboy Trades His Spurs for Wings” (A Balada de Buster Scruggs)
“Shallow” (Nasce uma Estrela) * (vencedor)
“All the Stars” (Pantera Negra)

Efeitos visuais:

Como disse durante a cerimônia: A Academia ainda prefere, o que é o certo, filmes que tenham seus efeitos em prol da história e não ao contrário. Portanto, nem sempre um show de CGI é o suficiente! Ganhou, com certa surpresa, O Primeiro Homem.

O Primeiro Homem (vencedor)
Han Solo: Uma História Star Wars
Vingadores: Guerra Infinita
Christopher Robin – Um Reencontro Inesquecível
Jogador nº 1 *

Edição de Som:

Bohemian Rhapsody vencedor… Gol da Alemanha!

Um Lugar Silencioso
Bohemian Rhapsody (vencedor)
O Primeiro Homem *
Pantera Negra
Roma

Mixagem de som:

Outra estatueta para Bohemian Rhapsody… Gol da Alemanha!

Bohemian Rhapsody (vencedor)
Pantera Negra
O Primeiro Homem*
Roma
Nasce uma Estrela

Curta-Metragem: 

Marguerite
Skin (Vencedor)
Detainment
Mother
Fauve *

Curta-Metragem de Animação:

Opa, um deles é da Pixar, então… acertamos!

Weekends
One Small Step
Bao * (vencedor)
Animal Behavior
Late Afternoon

Curta-Metragem de Documentário:

Period end of Sentence é forte, é feminista, é o vencedor!

Period end of Sentence * (vencedor)
Black Sheep
End Game
Lifeboat
A Night at the Garden

 

Avaliação
The following two tabs change content below.
RodrigoRodrigues-144x144 Oscar 2019: Comentários Pós-Cerimônia

Rodrigo Rodrigues

Amante inexperiente da sétima arte, crítico por insistência, mas cinéfilo acima de tudo. Descobriu, ainda jovem, certos diretores como Sergio Leone, Billy Wilder, Fellini, Bergman, Antonioni, Scorsese e sua vida nunca mais foi a mesma. Acredita que a empatia, diálogo e o respeito ao próximo é a maior arma contra o fundamentalismo da sociedade conservadora e fundamentalista de hoje.
RodrigoRodrigues-144x144 Oscar 2019: Comentários Pós-Cerimônia

Latest posts by Rodrigo Rodrigues (see all)

14 comments

  • Avatar
    Mimi:

    engraçado eu tava torcendo pra Glenn Close mas ontem assisti a Favorita e mudei de ideia, acho mais que merecido o premio da Olivia, meu Deus ela foi fantástica, indo da idiota à sagaz, da carente à repulsiva, da histérica à contemplativa, conseguiu até me fazer crer em um derrame, que atuação soberba, tiro meu chapeu, pior que fiquei pensando que assim como eu vc e muita gente tb torceu pra Close mais pelo que ela é e pela carreira em si, mas se no lugar da Close fosse a Johane Doe (quem? rs) no mesmo papel, ninguem ia torcer pra Close, todo mundo ia torcer pra Olivia

    • Avatar
      Amazon A:

      Concordo c vc

  • Avatar
    Cauc:

    minhas observações: a cerimônia ficou menos massante sem apresentador, quem diria… mostrar em flashback alguns premios é sacanagem, temos que convir, um desprestígio enorme com os profissionais premiados naquelas categorias… algumas surpresas foram boas, como os premios para Pantera Negra, ja outras, principalmente as do filme da banda britanica de rock/opera foram ruins… melhor, foram pessimas… dificil explicar pq o filme venceu esses premios, a nao ser que a Academia quis apenas jogar pra torcida, pq melhor edicao naquela coisa nao tem NINGUEM que entende de edicao que concorde, alias, quem define esses vencedores, é um colegiado, sao todos, como é?

    • Rodrigo Rodrigues
      Rodrigo Rodrigues:

      Cauc
      Bem vindo

      A falta de um apresentador foi bem vinda e ninguém sentiu falta de um.
      Quanto aos prêmios para o “Filme do Queen” acho que foi exagero mesmo, principalmente em edição. E sim, acredito que a questão de audiência e querer “jogar para torcida” influenciou também!
      Sobre a decisão dos vencedores é o seguinte: quando são indicados, os filmes são indicados pelos sindicatos (ou seja, somente votam pessoas da área, no caso dos editores). Quando vem para votação de quem irá ganhar o Oscar, os votos sãos feitos também quem não é da área e ai que vem a diferença! Então para cada pessoa que SABE que a edição de um filme é ruim, tem outros tantos que não reparam muito e acabam votando no que mais agrada ou mais popular.

      Bem, espero ter sanado a dúvida!
      Obrigado

  • Avatar
    Arthurzin Canalha:

    Pra mim a premiacao foi boa no geral venceu o melhro ficam criticando mas nao sabem fazer melhor

  • Avatar
    Jaques Cusones:

    acho que alguns premios de Pantera Negra tb foram vacilos… tudo bem que é um otimo filme, e o figurono por exemplo estava otimo, mas dai a bater a Favorita nao né por favor

    • Rodrigo Rodrigues
      Rodrigo Rodrigues:

      Jacques
      Bem vindo
      O trabalho em Pantera Negra é bem realizado. Somente fico receoso porque , como um filme baseado em efeitos digitais, fico com a sensação que os trabalho de figurino se dilui no CGI que o cerca.
      Enquanto em filmes como A Favorita, você sente o trabalho o tempo todo!
      Mas de qualquer, não soou um absurdo.

      Abraço

  • Avatar
    Resitecano:

    gostei do Aranhaverso vencer… é provavelmente uma das melhores animações da História e revolucionária em todos os sentidos, mais que merecido

  • Ricardo Melo
    Ricardo Melo:

    Fiquei feliz com Primeiro Homem ter levado pelo menos os Efeitos Visuais, visto que é um filme que chegou a ser apontado antes de ser lançado nos cinemas, como sério candidato ao Oscar. Mas creio que os trumpistas (e o Buzz Aldrin, o segundo homem) fizeram campanha contra, dizendo que o filme não pode ignorar a bandeira americana . Uma pena, o filme não é sobre um evento, mas sim sobre um ser humano.

    • Avatar
      BnB Doido:

      Bizarrices do mundo moderno

  • Avatar
    Camilazul:

    como todo mundo, foi na onda de que a Glen Close ia ganhar

    • Rodrigo Rodrigues
      Rodrigo Rodrigues:

      Camilazul
      Bem vinda
      Sim, mas foi literalmente TODO MUNDO!
      Abraço

  • Avatar
    Michele Jur:

    ficou na media de erros e acertos de todos os criticos em geral ate pq ninguem no mundo apostava em Green Book sinceramente vai k k k

    • Rodrigo Rodrigues
      Rodrigo Rodrigues:

      Michele
      Bem vinda
      Normalmente acerto 19 das 25 premiações , por ai. Eu não apostei muito em Pantera Negra, arrisquei no filme estrangeiro, Glenn Close perdendo foi um baque e o “filme do Queen” levar quatro Oscar foi absurdo!
      Somente ai , eu perdi bastante rs.
      Prometo melhorar ano que vem !
      Abraço

leave a reply

Contate-nos

Contate-nos por email ou nos procure nas redes sociais

soleblog.brasil@gmail.com

  • Top 7 personagens icônicos de séries
  • Top 7 Filmes diferentes do convencional
  • Top 7 Maiores Compositores de Trilhas Sonoras do Cinema
  • Top 7 robôs mais importantes da ficção II
Back to Top