Maxiverso
CINEMAListas Top 7Top 7 Filmes diferentes do convencional
splash7filmesdiferentes

Top 7 Filmes diferentes do convencional

Nesta nova lista Top7 do Maxiverso, apresentaremos a você alguns filmes que fogem do lugar comum em se tratando de formato, linguagem, edição ou simplesmente ambientação. São filmes diferentes em vários sentidos, do cinema convencional – principalmente o estadunidense – de modo que é melhor se preparar para sentir-se “estranho” e fora de sua zona de conforto ao assistir essas obras (ainda que algumas delas já tenham certa popularidade e nenhum deles seja hoje uma revolução cinematográfica):


ARQ (ARQ – 2016 – EUA):

Splash7FilmesDiferentesARQ-300x300 Top 7 Filmes diferentes do convencionalEssa ficção científica de baixíssimo orçamento da Netflix nos traz o subgênero da elipse temporal com checkpoints com o qual nos acostumamos em obras como Meia Noite e Um, No Limite do Amanhã, e o clássico Feitiço do Tempo. A diferenciação então, que faz ARQ entrar na lista, é sua tentativa de incorporar novos elementos aos paradigmas clássicos desse segmento sci-fi, como por exemplo quando outros personagens, além do protagonista, passam a compartilhar as memórias dos ciclos anteriores do loop temporal, algo totalmente fora do padrão nesse tipo de filme. A história nos faz acompanhar o drama de Renton, que passa a reviver os acontecimentos das últimas horas de forma repetida, enquanto tenta sobreviver a um grupo que ameaça a sua vida a e de sua namorada. Como a elipse é curta, a ação se passa praticamente apenas em seu laboratório, mas é bem dinâmica e competente no que se propõe. Não é excelente, mas vale a pena.


Círculo (Circle – 2015 – EUA):

Splash7FilmesDiferentesCircle-300x300 Top 7 Filmes diferentes do convencionalEste filme se passa inteiro em uma sala onde cinquenta pessoas raptadas foram colocadas em formações circulares e, em determinados intervalos de tempo são mortas. Pior: todos ali presentes é que acabam, querendo ou não, determinando quem é o próximo a morrer. Apesar de econômico no orçamento, no cenário e nas atuações, tudo ali funciona adequadamente e o ticking clock curto de dois minutos não deixa o filme jamais chegar perto da monotonia. Por que aquelas pessoas foram colocadas lá? E por quem? E como elas podem sair dali? Essas perguntas iniciais logo dão lugar à interação entre os personagens, que precisam – além disso – descobrir como funciona o “jogo” para decidir quem será a próxima vítima. E é aí que a coisa esquenta: na hora de decidir quem vive e quem morre, todas as bagagens culturais, pré-conceitos e opiniões formadas afloram, em um feio – porém familiar – espelho do mundo real.


Cubo (Cube – 1997 – Canadá):

Splash7FilmesDiferentesCubo-300x300 Top 7 Filmes diferentes do convencionalHoje considerado um cult, esse terror/sci-fi/suspense canadense assombrou o mundo quando foi lançado no fim dos anos 90, simplesmente criando um novo subgênero e estabelecendo novos paradigmas para obras similares e de baixo orçamento. Ganhador de diversos prêmios em festivais de cinema fantástico, teve uma sequência (Cubo 2 – Hypercubo) e uma prequência (Cubo Zero) lançados depois, porém de qualidade abissalmente inferior. Filmado em um único cenário – mas que no filme é modificado por meio de luzes para dar a impressão de muitas outras salas – mostra pessoas que acordam dentro de cubos cheios de armadilhas mortais. Os cubos são parte de uma estrutura maior, também cúbica, cuja saída eles passam a procurar, enquanto tentam desvendar os mistérios de seu sequestro, do funcionamento das armadilhas e até do caminho para a saída. Admirado apenas em seu nicho no lançamento, hoje é considerado uma obra-prima.


Deus da Carnificina (Carnage – 2011 – EUA):

Splash7FilmesDiferentesCarnage-300x300 Top 7 Filmes diferentes do convencionalRoman Polanski já não estava no auge da forma quando fez Carnage, de modo que se perde em alguns momentos – que fogem da verossimilhança do restante da obra, soando forçadas demais em comparação com as demais seqüências – mas ainda assim faz desse filme algo que vale a pena. Baseado na peça de teatro Le Dieu du Carnage, de Yasmina Reza, o filme se passa todo em um apartamento onde dois casais de pais discutem a respeito da briga que seus filhos tiveram na escola naquele mesmo dia, mais cedo. Pelo menos inicialmente o assunto é esse, mas a coisa acaba dando uma descambada… como se trata de um drama com pitadas de comédia (ou uma comédia dramática), os excessos citados acima podem acabar sendo sentidos como propositais, mas a verdade é que o tom acaba ficando um pouco acima em alguns momentos, o que não impede que tenhamos aqui um bom filme.


Enterrado Vivo (Buried – 2010 – Espanha/EUA):

Splash7FilmesDiferentesEnterradoVivo-300x300 Top 7 Filmes diferentes do convencionalO astro Ryan Reynolds deu uma cara de filme mainstream a esse longa corajoso e muito bem realizado, que consegue fazer com que, mesmo se passando quase que full time dentro de um caixão (!), iluminado quase sempre apenas pela luz do celular ou do isqueiro do protagonista (!!), e contando sua história apenas por meio de conversas telefônicas (!!!), ainda assim é bastante movimentado e jamais fica cansativo ou monótono, com momentos de muito suspense e angústia. Na verdade, considerando-se esses fatores, é surpreendente a dinâmica obtida pelo diretor Rodrigo Cortéz, que ainda extrai de Reynolds uma atuação muito convincente para alguém na situação mostrada na história, que conta como o motorista de caminhão Paul Conroy, que prestava serviços a uma empresa no Iraque, tenta lutar para sobreviver – e ser resgatado – após acordar em um caixão, enterrado em algum lugar da cidade nos anos de intervenção americana.


Festim Diabólico (Rope – 1948 – EUA):

Splash7FilmesDiferentesFestimDiabolico-300x300 Top 7 Filmes diferentes do convencionalUm cineasta com a genialidade técnica e conceitual de Alfred Hitchcock com certeza teria pelo menos uma obra para entrar nessa galeria, e a despeito de Os Pássaros, foi Festim Diabólico que entrou neste Top7. Neste suspense ímpar, baseado em uma história real, filmado todo em um único ambiente e sem cortes aparentes (Hitchcock usou apenas 10 tomadas com 8 minutos cada – o máximo que cada rolo registrava na época – e disfarçou os cortes com zooms e enquadramentos convenientes, de modo que o longa parece ter uma única cena!), vemos dois brilhantes acadêmicos assassinarem um colega apenas pelo prazer de se desafiarem – e provarem a eles mesmos – a concluir um crime perfeito. Para tornar tudo ainda mais atraente, dão uma festa para alguns convidados, servem a comida sobre um baú onde está o corpo, e vão soltando pistas para ver se um dos convidados percebe o que está ocorrendo.


O Homem da Terra (Man from Earth – 2007 – EUA):

Splash7FilmesDiferentesManfromEarth-300x300 Top 7 Filmes diferentes do convencionalUm drama aparentemente leve e despretencioso, que mostra amigos conversando em uma aconchegante casa de campo (ou montanha), se mostra surpreendente quando o protagonista – e anfitrião – revela aos convidados que ele é um homem das cavernas que conseguiu viver até os dias atuais. Menos dinâmico que Enterrado Vivo e Festim Diabólico, ainda assim não chega a ser monótono, talvez pelo tema e pelo bom desenrolar dos diálogos. O tom de entrevista que acomete o longa logo após a revelação de John Oldman se adapta ao que os espectadores desejam, pois usa os colegas dele para proferir as perguntas que nós, ao assistir o filme, nos fazemos naqueles momentos. O estudo logo se mostra ousado quando a história de John abala verdades mundiais sacramentadas ao longo de milênios sobre diversos pontos importantes: ciência, religião, sociedade, família e outros.

Rating: 5.0. From 1 vote.
Please wait...
Avaliação
The following two tabs change content below.
AvatarRalph-144x144 Top 7 Filmes diferentes do convencional

Ralph Luiz Solera

Escritor e quadrinhista, pai de uma linda padawan, aprecia tanto Marvel quanto DC, tanto Star Wars quanto Star Trek, tanto o Coyote quanto o Papaléguas. Tem fé na escrita, pois a considera a maior invenção do Homem... depois do hot roll e do Van Halen, claro.

3 comments

  • Daniela Lopes:

    Olá!
    O filme Círculo é muito interessante e intrincado, apesar do final estranho. CUBO, para mim, só vale o primeiro, pois suas continuações forçaram a barra e nada acrescentaram à história, Festim diabólico é Hitchcock e seu toque de Midas para nos angustiar, Enterrado vivo é inquietante e convincente, mostrando a burocracia por trás dos conflitos entre EUA e Iraque. Homem da Terra foi uma surpresa grata, pois é contada de forma calma, sem muitos arroubos e trazendo uma solução original para a trama. Os únicos da lista que ainda não vi foram ARQ e o Deus da Carnificina, mas estão na minha lista.
    Ufa!

    • Ralph Luiz Solera
      Ralph Luiz Solera:

      Oi Daniela, obrigado por seus comentários, sempre enriquecem os artigos! ARQ e Deus… são bacanas, mas estão um pouco abaixo dos demais da lista.

  • Lucas:

    show de bola essa lista… so vi Cubo… vo assistir os outros

leave a reply

Contate-nos

Contate-nos por email ou nos procure nas redes sociais

soleblog.brasil@gmail.com

  • Top 7 personagens icônicos de séries
  • Top 7 Filmes diferentes do convencional
  • Top 7 Maiores Compositores de Trilhas Sonoras do Cinema
  • Top 7 robôs mais importantes da ficção II
Back to Top