Aquarius fora da disputa do Oscar

2

AQ-cartaz-1 Aquarius fora da disputa do OscarInfelizmente, como de certa maneira era esperado, o premiado e elogiado Aquarius de Kleber Mendonça Filho não será o representante brasileiro para a disputa do Oscar 2017 (leia nossa crítica do filme aqui)

No seu lugar o escolhido foi Pequeno Segredo de David Schumann que sequer estreou ou foi exibido em qualquer amostra ou festival. Inclusive a data de estréia (estava programado pelo seus realizadores para novembro) será antecipada para não ficar fora devido ao regulamento que prevê que o filme deve ser exibido no país de origem durante alguns dias antes do final de setembro.

Anúncios

Não sejamos inocentes.

Em qualquer país em sã consciência, cujo filme tenha conquistado a fama e o prestígio que Aquarius conquistou, seria imediatamente o representante escolhido.

Dizer que Pequeno Segredo tem mais elementos  cinematográficos que Aquarius é uma ofensa. Claro que ser aclamado em Cannes não significa que ira ganhar a disputa de filme estrangeiro, entretanto esta aclamação é a maior vantagem que um filme pode ter (principalmente dentro de seu país).

Estamos falando em concorrer a uma vaga na disputa de filme estrangeiro, não estamos entrando no mérito de ganhar ou não o Oscar.

Claro que não devemos criar um clima de antipatia antecipada com o Pequeno Segredo, pois toda obra cinematográfica, independente de sua posição ou tema, deve ser respeitada. Assim como a manifestação da equipe de Aquarius em plena Cannes é totalmente válida e ser retaliada por isso é algo que beira aos piores dias que o país passou.

Mas devemos lembrar que Aquarius sofreu preconceito e foi atacado por parte do júri que escolheu Pequeno Segredo, mesmo antes de terem visto o filme de Kleber Mendonça.

Inclusive esta atitude foi denunciada pelo meio cinematográfico, onde os realizadores dos filmes Boi Neon e Mãe só há Uma RETIRARAM suas candidaturas em protesto contra o(s) integrante(s) deste júri.

Abaixo o trecho da nota emitida pelo diretor Gabriel Mascaro:

“Decidimos tornar pública a nossa decisão de não submeter o filme Boi Neon à comissão brasileira que indica o representante nacional ao Oscar 2017. É lamentável que o Ministério da Cultura, por meio da Secretaria do Audiovisual, endosse na comissão de seleção um membro que se comportou de forma irresponsável e pouco profissional ao fazer declarações, sem apresentação de provas, contra a equipe do filme Aquarius, após o seu protesto no tapete vermelho de Cannes. Aquarius foi o único filme latino-americano na competição oficial de Cannes, tendo sido aclamado pela crítica internacional. Diante da gravidade da situação e contrários à criação de precedentes desta ordem, registramos nosso desconforto em participar de um processo seletivo de imparcialidade questionável”.

É triste que tenhamos que testemunha fatos como este. O cinema e a sociedade perdem.

printfriendly-pdf-email-button-notext Aquarius fora da disputa do Oscar
The following two tabs change content below.
FB_IMG_1634308426192-120x120 Aquarius fora da disputa do Oscar

Rodrigo Rodrigues

Eu gosto de Cinema e todas suas vertentes! Mas não aceito que tentem rescrever a historia ou acharem que cinema começou nos anos 2000. De resto ainda tentando descobrir o que estou fazendo aqui!
FB_IMG_1634308426192-120x120 Aquarius fora da disputa do Oscar

Latest posts by Rodrigo Rodrigues (see all)

2 thoughts on “Aquarius fora da disputa do Oscar

  1. lamentável… só pq os atores são contra o atual governo, o filme nao pode ser indicado? a politicagem chegou no cinema… e antes que critiquem, não sou PT nem esquerdopata, nem direitopata nem nada… só acho lamentável que misturem as coisas

    1. Marcelo
      Obrigado pelo comentário

      Você esta completamente correto. O cinema ser atingido pela politica do jeito (externamente) que Aquarius foi é triste.
      Como disse no texto , soa como os piores momentos que a nossa cultura e sociedade passou

      Espero que tenha gostado do filme

      Abraço e seja sempre bem vindo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *