Halo – série de TV com produção de Spielberg finalmente será lançada

halo-game Halo - série de TV com produção de Spielberg finalmente será lançadaEm 2001 foi lançado pela produtora Bungie um jogo chamado Halo, baseado em space opera e ficção-científica militar com uma ação em primeira pessoa e batalhas espaciais.

A Bungie começou o desenvolvimento do que viria a se tornar Halo em 1997. Inicialmente, o jogo era um típico game de estratégia em tempo real que se transformou em um jogo de tiro em terceira pessoa antes de se tornar um jogo de tiro em primeira pessoa (confuso, não?). Durante o desenvolvimento, a Microsoft adquiriu a Bungie e transformou o jogo em um título de lançamento do seu novo console, o Xbox.

Anúncios

O primeiro jogo lançado em 2001 foi Halo: Combat Evolved (ou Halo 1), que se passa no século XXVI, onde o jogador assume o papel de Master Chief, um super soldado ciberneticamente aprimorado. O jogador é acompanhado por Cortana, uma inteligência artificial que ocupa a interface neural de Master Chief. Os jogadores batalham com vários alienígenas à medida que tentam descobrir os segredos do epônimo Halo, um mundo artificial em forma de anel.

O grande sucesso de crítica e público de Halo, considerado um dos jogos mais populares de todos os tempos, levou a Microsoft a apostar em uma franquia lucrativa de vários jogos ao longo de 20 anos e também a apostar em outras mídias, como quadrinhos, livros, animações e animes, além de brinquedos, roupas e colecionáveis.

Uma produção de cinemaNão precisa nem dizer que os estúdios de Hollywood ficaram muito tentados a produzir um filme baseado na franquia. Em 2005, o CEO da Columbia Pictures, Peter Schlessel, começou a trabalhar fora do sistema de estúdio para produzir uma adaptação cinematográfica de Halo. Alex Garland (Ex-Machina) escreveu o primeiro roteiro, que foi enviado aos estúdios por mensageiros vestidos como Master Chief. Os termos da Microsoft exigiram US$ 10 milhões contra 15% do lucro bruto; a maioria dos estúdios recusou, citando a falta de risco para a Microsoft em comparação com sua grande parcela de lucros potenciais.

Por isso, a 20th Century Fox e a Universal Studios decidiram se associar para produzir o filme, pagando à Microsoft US$ 5 milhões para escolher o filme e 10% das vendas. Peter Jackson (O Senhor dos Anéis) foi proposto para ser o produtor executivo, com Neill Blomkamp (Distrito 9) como diretor. Antes de Blomkamp assinar, Guillermo del Toro (A Forma da Água) estava em negociações para dirigir. Em 2006, o roteiro foi reescrito pela dupla DB Weiss e Josh Olson (Game of Thrones), mas um desacordo financeiro fez a 20th Century Fox ameaçar desistir do projeto, com a Universal Studios também desistindo do mesmo logo em seguida, fazendo com que Blomkamp e Jackson também pulassem fora do projeto, e ele acabasse sendo cancelado. Os direitos voltaram novamente para a Microsoft.

franquiahalo Halo - série de TV com produção de Spielberg finalmente será lançadaSteven Spielberg se interessaEm  agosto 2009,  o site IESB revelou  que o cineasta Steven Spielberg teria ficado empolgado com o roteiro de Stuart Beattie, intitulado Halo: Fall of Reach. A história narra como uma criança renegada de nome John foi raptada pela UNSC quando tinha apenas seis anos e, treinada por anos, tornou-se o soldado espartano que todos os gamers conhecem, Master Chief.

Spielberg estava tentando adquirir os direitos cinematográficos para seu estúdio DreamWorks Pictures. Alguns dias depois, a própria Microsoft soltou uma nota “agradecendo o interesse da indústria do entretenimento em relação à ideia de um filme de Halo, mas a produção estaria paralisada e não possui nenhuma nova atualização de projeto“.Em setembro de 2010, o diretor de desenvolvimento da franquia Halo na Microsoft, Frank O’Connor, disse à Variety que a empresa continua interessada em levar a série às telas de cinema. Ele revelou que a empresa está atualmente desenvolvendo roteiros paralelos com Alex Garland (Extermínio), Stuart Beattie (30 Dias de Noite), D. B. Weiss (A Guerra dos Tronos) e Josh Olson (Marcas da Violência) para o longa-metragem: “Seguimos interessados em fazer um filme de Halo. Criamos uma montanha de material de apoio para ajudar o filme. Temos uma ótima ideia sobre o tipo de história que queremos contar, mas não vamos começar até que o momento seja o certo. Não estamos com pressa alguma“, e a ideia da Microsoft era tentar criar algo para o cinema e para a TV também, com roteiros de histórias originais.Em Outubro de 2010 novamente saíram notícias de que a Dreamwoks Pictures de Spielberg estava interessada em produzir o filme. O estúdio estava optando por adaptar livros e não os games para afastar-se do projeto original, o que os forçaria a pagar para a Universal Pictures os 12 milhões de dólares que a empresa perdeu na primeira tentativa de adaptação. Stuart Beattie (30 Dias de Noite), roteirista que adaptou o romance Halo: The Fall of Reach – texto atualmente em aprovação na Microsoft – disse ao Vulture que a ideia dos envolvidos é realizar pelo menos três filmes de Halo.As novas sériesPor volta de 2012 foi lançado Halo 4: Forward Unto Dawn, um filme e minissérie live-action ambientado no universo Halo. Apesar de ter sido rodado como um longa-metragem, Forward Unto Dawn foi originalmente lançado como uma web-série composta por cinco episódios de aproximadamente 15 minutos, sendo o primeiro lançado em 5 de outubro de 2012, com o último episódio lançado em 2 de novembro de 2012.Em 2014, foi a vez da produtora do cineasta Ridley Scott (Alien e Blade Runner), a Scott Free, lançar um filme digital, Halo Nightfall, disponível para stream, download e compra em disco físico.Finalmente uma série de TV live actionComo a versão longa-metragem live action de cinema acabou sendo cancelada, em 2013, a Microsoft resolveu apostar nas série de TV. E em maio daquele ano, durante o lançamento do novo console Xbox One, em um evento realizado pela empresa no seu campus em Redmond, Washington, foram anunciados os novos projetos e jogos da empresa e também foi anunciado que Halo ganharia uma série live-action Halo – The Television Series (como a série foi apresentada no telão do evento), produzida por Steven Spielberg em parceria com a 343, desenvolvedora dos games, e transmitida com exclusividade para o console.

Em janeiro de 2014, o site Latino Review revelou que o diretor Neill Blomkamp (Distrito 9) havia sido convidado novamente a se juntar ao projeto, para ser o diretor do piloto da série. Em agosto de 2015, segundo o IGN Australia, foi revelado que o canal a cabo Showtime teria a exclusividade de lançamento da nova série após o fechamento do Xbox Entertainment Studios.  O Presidente do canal David Nevins, afirmou que a “produção continua em desenvolvimento bem ativo” durante a coletiva da Associação de Críticos de TV dos Estados Unidos. Entretanto, ao ser questionado sobre quando saberíamos mais detalhes, ele respondeu: “não tão cedo“.

Em agosto de 2016, foi a vez de  Phil Spencer, chefe da divisão Xbox na Microsoft, responder via Twitter, ao ser questionado se a série estava cancelada, a resposta dele foi apenas: “está viva!“. Em Julho de 2017 a Microsoft se manifestou sobre a série em nota enviada ao site de games, AR12Gaming:  “O progresso na série de TV Halo continua. Queremos garantir que estamos fazendo as coisas do jeito certo junto com um time de parceiros criativos [Steven Spielberg e Showtime] que podem nos ajudar a criar a melhor série de Halo que os fãs esperam e merecem. Não temos mais detalhes para compartilhar nesse momento.”

halo1 Halo - série de TV com produção de Spielberg finalmente será lançada
Master Chief (Pablo Schreiber) com sua armadura.

Com mais de 4 anos de produção desde o anúncio em 2013, o projeto já estava deixando os fãs afoitos por novas notícias concretas.

Em março de 2018, segundo o Production Weekly, que acompanha o andamento das gravações de diversos seriados, o programa baseado no game da Microsoft começaria a ser realizado no outono daquele ano, ou seja, entre os meses de setembro e dezembro. Apesar da informação, os rumores não foram confirmados pela Microsoft ou outra fonte. Em 28 de junho de 2018, foi anunciado que a Showtime havia dado à produção um pedido de série para uma primeira temporada composta por dez episódios. A série seria escrita e apresentada por Kyle Killen, escolhido como o showrunner, que faria a produção executiva ao lado de Rupert Wyatt (Planeta dos Macacos – A Origem), que também dirigiria vários episódios. As empresas de produção que se esperava envolverem na série incluíam a 343 Industries e Amblin Television (de Steven Spielberg, também produtor executivo).

Em 12 de agosto de 2018, foi anunciado que Master Chief seria o protagonista da série e que ela contaria uma nova história dos jogos eletrônicos, respeitando seu cânon ao mesmo tempo. Em 3 de dezembro de 2018, foi anunciado que Wyatt estava deixando o cargo de diretor e produtor executivo devido a problemas de programação que surgiram devido a atrasos na produção. No final de fevereiro de 2019, Otto Bathurst (Black Mirror e Peaky Blinders,) foi contratado para substituir Rupert Wyatt e o número de episódios foi reduzido para nove. Em 18 de março de 2019, uma nova mudança na produção: foi anunciado que a Showtime havia adicionado Steven Kane como co-showrunner, com Kyle Killen concentrando-se na produção estadual do projeto e Kane concentrando-se na produção física em Budapeste.

Elenco e filmagens

Em abril de 2019, a Showtime revelou o elenco de vários personagens, incluindo Pablo Schreiber (Covil de Ladrões) como Master Chief e Yerin Ha, que desempenhará um papel recém-criado como Quan Ah, de 16 anos, das Colônias Externas. O elenco adicional foi anunciado em agosto, com Natascha McElhone no papel duplo de Cortana e Catherine Halsey, e Bokeem Woodbine, Shabana Azmi, Bentley Kalu, Natasha Culzac e Kate Kennedy se juntando em papéis de suporte. Em novembro de 2020, Jen Taylor substituiu McElhone por questões de conflito devido à Covid-19 como Cortana, mas ela manteria o papel de Halsey.A fotografia principal começou em outubro de 2019, que já havia gasto mais de US$ 40 milhões em custos de produção, segundo a revista Variety. Os cinco episódios filmados foram reeditados durante a paralisação por causa do coronavírus, com a produção de um sexto episódio e refilmagens sendo planejadas em Ontário, Canadá e ocorrendo por volta de novembro de 2020.

Anúncio oficial

Finalmente, após anos de planejamento, desenvolvimento, produção e filmagem, os primeiros anúncios oficiais começaram a ser feitos. Segundo os anúncios recentes, a série será lançada no novo canal stream ligado a Paramount Studios, o Paramount+,  com o primeiro teaser sendo exibido em novembro de 2021:

Em 10 de dezembro de 2021, durante a Game Awards 2021, o primeiro trailer foi revelado. De acordo com a sinopse oficial, “a série de Halo intercalará histórias pessoais com ação, aventura e imagens ricas de um futuro imaginário, dramatizando o conflito épico do século 26 entre humanidade e uma ameaça alienígena“.

A série será exibida no Paramount+ em 2022, ainda sem uma data específica. Aguardem novos detalhes.

 


[RM-RS – Microsoft / Deadline / Collider / IESB / Venture /  Variety / Latino Review / IGN Australia / AR12Gaming / Production Weekly]

printfriendly-pdf-email-button-notext Halo - série de TV com produção de Spielberg finalmente será lançada
The following two tabs change content below.
AvatarRicardo-150x150 Halo - série de TV com produção de Spielberg finalmente será lançada

Ricardo Melo

Profissional de TI com mais de 10 anos de vivência em informática. Tem como hobby assistir seriados de TV, ir ao cinema e namorar!!! Fã de rock'n'roll, música eletrônica setentista, ficção-científica e estudos relacionados a astronáutica. Quis ser astronauta, mas moro no Brasil... Os anos 80 foram meu playground!

19 thoughts on “Halo – série de TV com produção de Spielberg finalmente será lançada

    1. No caso de Uncharted: Fora do Mapa, será um filme para o cinema que será lançado agora em fevereiro 2022.

  1. rapaz, em um ano (mais um) que tende a so ter destruição (na saude, na politica, na economia, etc), essa noticia ate diminuiu minha depressao… so falta agora nas eleicoes a populacao nos livrar de Lula e Bolso e o ano terá sido de lucro

  2. bom, pra mim que nao joga Halo, vou pela curiosidade mesmo, mas sinto que a serie nao tera atrativo nenhum se nao sou fã do game… vai ser so mais um produto generico igual trocentos outros por ai

  3. Lamento informar aos gamers de plantão mas a série não será baseada nos games, mas sim apenas no seu conceito. A sinopse oficial da série de TV Halo ainda envolve a guerra da Humanidade com o Covenant e envolve alguns personagens-chave com os mesmos nomes, mas a trama parece desprovida de qualquer menção aos arcos da história do Forerunner – o que nos sugere que a linha do tempo da série irá ser anterior à linha do tempo além de Halo 3. Temos que ver quais aspectos são transferidos entre as duas linhas do tempo quando a série for ao ar no próximo ano. Eu ja to ressabiado.

    1. Sim, não irá seguir o que o game já vez, vão aproveitar a ideia para implementar algo que eles acham que deve ser mais interessante. Mas geralmente isto já acontece nos quadrinhos, livros, e outras adaptações, não será diferente de adaptações de games…

  4. bom eu pessoalmente to muito animada com essa noticia… se tem o Spielberg na produção dificilmente sai coisa mal feita

  5. muita expectativa normalmente se resume em decepção, e infelizmente é o que acho que vai acontecer com essa serie

  6. Halo é a melhor franquia de jogos da Historia… merecia uma produção mais caprichada… acho que vai ser so uma serie meia bomba igual Fundação

    1. Vamos ver o resultado final para tirarmos conclusões, afinal, foram mais de 10 anos de desenvolvimento.

    2. mas os 10 anos nao foram de desenvolvimento REAL… foi tempo perdido com questoes burocraticas, contratos, escolha de produtores, diretores, etc… nao sao 10 anos produzindo de fato a serie… a producao mesmo começou no fim de 2018

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.