Maxiverso

Galaxy Quest – Sequência ainda pode acontecer como série de TV

Lançado nos cinemas em 1999, o filme Heróis fora de Órbita (Galaxy Quest) não chegou a empolgar muitas plateias no seu lançamento, mas ao longo das décadas seguintes, passou a se tornar cult entre fãs de ficção, principalmente os fãs do seriado Star Trek, da qual o filme é quase uma “satírica homenagem”.

O filme dirigido por Dean Parisot (Red 2, Bill & Ted: Encare a Música) foi lançado pela Dreamworks, estúdio de Steven Spielberg e é uma mistura de ficção-científica e comédia estrelada por Tim Allen, Sigourney Weaver, Alan Rickman, Tony Shalhoub, Sam Rockwell, Daryl Mitchell e Missi Pyle. Na trama do filme, um antigo elenco de uma série de televisão cult extinta chamada Galaxy Quest é subitamente visitado por alienígenas de verdade que acreditam que a série seja um documentário preciso e envolvem os atores em um conflito intergaláctico real.

O filme foi um modesto sucesso de bilheteria e recebeu positivamente elogios dos críticos: ganhou o Prêmio Hugo de melhor apresentação dramática e o Prêmio Nebula de Melhor Roteiro, e também foi nomeado para 10 Premios Saturno, incluindo Melhor Filme de Ficção Científica, Melhor Diretor para Parisot, Melhor Atriz para Weaver e Melhor Ator Coadjuvante para Rickman, com Allen ganhando Melhor Ator. Foi incluído na lista da Reader’s Digest dos 100 filmes mais engraçados de todos os tempos em 2012, enquanto os fãs de Star Trek votaram nele como o sétimo melhor filme de Star Trek de todos os tempos em 2013 (!).

Uma sequência do filme chegou a ser especulada ao longo dos anos. O ator Tim Allen fez também campanha para a volta do elenco original e em 2014 ele chegou a anunciar que um roteiro já estava pronto. Outro dois atores, Weaver e Rockwell mencionaram que estavam interessados em retornar, mas no entanto, o ator Colantoni jogou um balde de água fria em todos, dizendo que prefere que não haja sequência, para não manchar os personagens do primeiro filme, declarando que “inventar algo, só porque amamos esses personagens, e transformá-los em uma sequência – então se torna uma sequência horrível”.

Em 2015, o Deadline informou que a antiga equipe que trabalhou no filme, incluindo o diretor Dean Parisot, os roteiristas Robert Gordon e David Howard, estavam em negociações para trabalhar neste novo projeto com a Paramount. Os produtores Melissa Bernstein e Mark Johnson, que também faziam parte da equipe de criação original, estariam retornando também. Em Abril do mesmo ano, a Paramount Television, juntamente com o co-roteirista do filme, Gordon, o diretor Parisot e os produtores executivos Johnson e Bernstein, anunciaram que estavam procurando desenvolver uma série de televisão baseada em Galaxy Quest. A mudança foi considerada de maneira similar aos renascimentos da Paramount de Minority Report e da School of Rock como séries de televisão. Pouco depois, em agosto de 2015, foi anunciado que a Amazon Studios estaria desenvolvendo a nova série.

Mas o verdadeiro balde de água fria para o projeto de série veio em janeiro de 2016, após a morte inesperada de Alan Rickman de câncer no pâncreas, Tim Allen comentou no The Hollywood Reporter sobre a chance de reavivamento da franquia:

“Eu não deveria dizer nada – estou falando muito fora de hora aqui – mas o Galaxy Quest está realmente perto de ser ressuscitado de uma maneira muito criativa. É mais perto do que posso lhe dizer, mas não posso dizer mais do que isso. O verdadeiro chute é que Alan agora deve ser deixado de fora. Foi um grande choque em muitos níveis.”

Em abril de 2016, ao ser entrevistado no podcast Nerdist, o ator Sam Rockwell revelou que o elenco estava prestes a assinar um contrato com a Amazon, mas a morte de Rickman, juntamente com a programação de televisão de Allen, se mostraram obstáculos. Ele também disse acreditar que a morte de Rickman significava que o projeto poeria nunca acontecer.

Felizmente, em agosto de 2017, o Deadline, noticiou que o roteirista de The League, Paul Scheer, havia sido escolhido para reescrever a série de TV, que já estava sendo desenvolvida por Robert Gordon, o roteirista original do filme. Sheer apresentou uma nova visão do material, mas não estava claro se Allen, Weaver e co-estrelas, incluindo Tony Shalhoub e Sam Rockwell, fariam parte deste novo material. O roteirista disse: “Sem revelar muito, acho que nunca houve melhor momento para continuar a história do Galaxy Quest, com a explosão e popularidade dos filmes de ficção científica nos últimos anos. Ser capaz de criar e fazer parte deste mundo é simplesmente alucinante, e estou abordando isso realmente como o que eu gostaria de ver como um fã”. Em declarações ao /Film, Scheer disse que em seus primeiros rascunhos enviados à Amazon em novembro de 2017, ele queria criar uma aventura serializada que começa onde o filme termina, mas levando em conta à mudança cultural em Star Trek que ocorre desde 1999; ele disse: “Eu realmente queria capturar a diferença entre o elenco original de Star Trek e o elenco de Star Trek de J. J. Abrams”. Para esse fim, os roteiros iniciais de Scheer pediram dois sets de elencos separados que se uniriam até o final da primeira temporada do programa, embora ele não tenha confirmado se isso incluía algum elenco do filme original. Infelizmente em Julho de 2018, Scheer revelou que com a demissão de Amy Powell como presidente da Paramount Television, o projeto havia sido suspenso, mas ele iria continuar a escrever e falou de novas ideias na qual estavam fazendo a série para permitir a introdução de novos personagens enquanto estendiam o cenário, semelhante ao que Star Wars: O Despertar da Força fez por Star Wars: Uma Nova esperança.

O tempo passou, e agora recentemente em janeiro de 2021, em plena pandemia provocada pelo coronavírus, onde várias produções foram paralisadas, parte do elenco original do filme deu uma entrevista ao The Hollywood Reporter. Segundo Sam Rockwel: “Nós estávamos indo para uma série sequencial, mas depois que Alan Rickman faleceu, não sabíamos o que fazer com a história”. Justin Long, comentou também: “Eu sei que eles estavam conversando sobre as datas das filmagens e Sam me disse que Alan estava a bordo, mas ele teria que perder o primeiro episódio. Isso foi antes que ele soubesse que estava tão doente quanto estava. Teria sido tão divertido reunir todos novamente”. A atriz Sigourney Weaver disse: “Eu não tinha lido nenhum roteiro, mas [o diretor Dean Parisot] me ligou e ele estava desenvolvendo algo para um dos serviços de streaming. Encontrei Alan Rickman e perguntei o que ele pensava da série, e ele disse que realmente não sabia“.

Nem todo mundo foi completamente vendido na série sequela, no entanto. Como Enrico Colantoni explicou, o roteiro não o impressionou. “Eu recebi os golpes gerais e parecia estar avançando, mas Alan morreu e isso interrompeu as coisas”, disse ele. “Para dizer a verdade, não gostei muito da ideia. Tivemos um raio em uma garrafa com o primeiro filme e quero ter o mesmo sentimento quando ouvir o discurso da próxima produção”.

Mas para o ator principal, Tim Allen irá vai levar o lema do primeiro filme pra sempre: nunca se renderá, nunca desistirá! Pelo menos é isto que ele falou em janeiro de 2021 ao ser entrevistado para o Entertainment Weekly. Segundo Allen, a vindoura série possui um “roteiro fabuloso” e que atualmente está em um “padrão de espera”. Ele próprio acha que existe uma forma de homenagear o falecido ator Allan Rickman (1946-2016): “Não falei com ninguém na semana passada, mas falamos sobre isso o tempo todo. Há constantemente uma pequena oscilação de uma tocha de butano com a qual poderíamos reiniciá-la. Sem revelar muito, um membro da família Galaxy Quest de Alan Rickman poderia intervir e a ideia ainda funcionaria. O que temos é roteiro fabuloso. Mas teve um soluço porque o maravilhoso Alan Rickman faleceu. Então tudo ficou muito triste e sombrio porque o script era todo sobre Lazarus e Taggart. Era tudo sobre a história deles. Isso não significa que eles não possam reiniciar a ideia, e a história subjacente era histérica e divertida. ”

Allen parece otimista de que o rascunho do roteiro possa ser atualizado para a situação atual, especialmente porque o enredo gira em torno de viagens espaciais à velocidade da luz, o que tornaria a tripulação do NSEA Protector fora de sincronia com o resto do planeta: “A sequência pode acontecer agora ou daqui a cinco anos e isso não importa porque quando você viaja na velocidade da luz, quando você volta, pode ser apenas 20 minutos, mas 20 anos se passaram, certo? Essa parte é maravilhosa para o fanático por ficção científica em mim. Mas agora está em um padrão de espera. ”

Recentemente um documentário sobre o filme foi lançado no Amazon Prime: Never Surrender: A Galaxy Quest Documentary.


[RM-RS – Paramount Pictures / Amazon Prime / Deadline / Nerdist / Hollywood Reporter / Entertainment Weekly]

Avaliação
The following two tabs change content below.
AvatarBlogger-150x150 Galaxy Quest - Sequência ainda pode acontecer como série de TV

Maxiverso

A equipe do Maxiverso é composta de redatores e escritores especialistas em diversas áreas, de modo que as notícias postadas serão sempre redigidas e revisadas pelos membros mais qualificados de nosso time.

8 comments

  • Avatar
    castigo 1:

    uma comedia divertida, mas considerar esse filme como parte de Star Trek pra mim nao faz o menor sentido

  • Avatar
    Fabiola Not:

    tem na Netflix?

    • Ricardo Melo
      Ricardo Alves de Melo:

      Só no Amazon Prime.

  • Avatar
    HIde Shaka:

    curtia pra caramba esse filme hehehe sempre pensei em uma continuação ou num crossover com Star Trek agora vem essa serie tomara que seja legal

    • Avatar
      Slip Duo:

      tai uma ideia legal, um crossover hehehe ou então um episodio de ST em que a tripulação da Enterprise volta ao passado e encontra o pessoal do filme e ocorre o mesmo que a trama do filme: a Enterprise considera eles uma tripulação real tb rsrs ia ser da hora

  • Avatar
    Marino Ouçador:

    como assim alguns fãs consideram esse Galaxy Quest um filme de Star Trek???

  • Avatar
    Breno Out:

    nunca liguei pra esse filme, sempre achei que fosse uma comedia pastelao boboca, mas de tanto ver vcs falando nele, vou tentar assistir e ver se vale a pena o hype

leave a reply

Contate-nos

Contate-nos por email ou nos procure nas redes sociais

soleblog.brasil@gmail.com

  • Top 7 personagens icônicos de séries
  • Top 7 Filmes diferentes do convencional
  • Top 7 Maiores Compositores de Trilhas Sonoras do Cinema
  • Top 7 robôs mais importantes da ficção II
Back to Top