Maxiverso

Trek Universe – Atualizações da Franquia Star Trek – 1º Semestre/21

Vamos aqui dar uma passada pelas produções em andamento do Universo Star Trek, pois desde 2017 a CBS através de seu canal stream, CBS All Access, passou a produzir novas séries de TV baseadas em Star Trek, criada por Gene Rondenberry nos anos 60.

Nessas produções, a CBS tem o produtor Alex Kurtzman como novo chefe da franquia, e desde 2019, a CBS voltou a se unir com a Viacom, que detêm os diretos da Paramount Pictures, onde são produzidos os filmes para o cinema, criado a CBS-Viacom.

Em mais uma destas novas ações da companhia, foi criado um novo canal de stream, o Paramount +, que uniu o acervo de séries e filmes da CBS, chamado CBS All Access, e também o acervo dos filmes de cinema dos Estúdios Paramount, que estreou em 2019, inclusive no Brasil. No momento estão em produção 5 séries diferentes, entre live actions e série animada, da franquia. Além de um novo projeto para o cinema que discutiremos em breve…

 

Star Trek: Discovery (4ª Temporada)

Foi finalizada sua terceira temporada, agora com as aventuras da USS Discovery, que avançou mais de 900 anos no tempo, na qual a Frota Estelar está reduzida e a Federação de Planetas Unidos é uma mera lembrança, com Vulcano e Terra fora da organização e as viagens estelares prejudicadas após a “grande combustão” que destruiu a maioria das naves da galáxia e reduziu o estoque de cristais delitium ao mínimo possível. Com este enredo, a série conseguiu atrair novamente a atenção e ganhou um sinal verde para sua quarta temporada em outubro de 2020. Os problemas são apenas com a questão das filmagens seguindo os protocolos causados pela pandemia de Covid-19.

Em 02 de novembro começaram oficialmente as filmagens da quarta temporada em Toronto, Canadá. A série irá continuar as aventuras da nave Discovery no século 32, tendo um universo praticamente livre no canon de Star Trek para trabalhar. A protagonista, Michael Burnham, assumiu de vez o posto de Capitã da USS Discovery, agora com a missão de reorganizar a Frota Estelar para ajudar a Federação de Planetas Unidos ser novamente grande.

Durante um painel promovido pelo site Deadline, o showrunner Alex Kurtzman comentou brevemente sobre a quarta temporada. Kurtzman se esquivou de qualquer spoiler, mas ofereceu algumas novidades sobre o possível vilão da quarta temporada:

“Na verdade, estamos explorando – estamos mergulhando fundo na ciência – na quarta temporada, de uma forma nova e interessante. Houve muitos tipos de vilões ao longo de Star Trek. O que acontece quando o vilão não é realmente qualquer tipo de entidade viva e respirando, mas outra coisa? Como você resolve esse problema? A Federação está voltando, mas não totalmente. E assim, a missão contínua de trazer outros mundos e atender aos critérios e padrões do que significa ser um membro da Federação, mas também não roubar a identidade de outras culturas, é algo que iremos explorar. Burnham passou muito tempo pensando que ela tinha que ser uma coisa ou outra e terminou a temporada sendo recompensada com a cadeira de capitã por ser duas coisas diferentes. Vance basicamente diz: – ‘Você não precisa escolher. Você faz as coisas do seu jeito e é por isso que quero você na cadeira. Porque você está sempre lutando pelo que é certo’ – Burnham terá que continuar descobrindo isso. Ela terá que continuar aprendendo o que isso significa. O relacionamento dela com Book será testado de várias maneiras, por motivos que não vou contar a vocês.”

Além do elenco regular, os convidados especiais David Cronenberg (como Kovich) e Oded Fehr (no papel do almirante Vance), também confirmaram participação. Por fim, no dia 08 de abril a atriz Sonequa Martin-Green (Michael Burnham), apresentou um teaser da quarta temporada de Star Trek: Discovery, atualmente em produção, indicando que a quarta temporada chega ainda em 2021, possivelmente no segundo semestre!

No dia 5 de abril, durante a celebração do “Dia do Primeiro Contato”, a atriz Sonequa Martin-Green apresentou o teaser da 4° Temporada:

As três primeiras temporadas estão disponíveis na Netflix do Brasil.

 

Star Trek: Picard (2ª Temporada)

Se ST: Discovery foi o retorno de Star Trek depois de anos fora da TV (agora no stream), ST: Picard, foi a tentativa da CBS de trazer a nostalgia que faltava para os velhos fãs da série. Com o retorno do ator Sir Patrick Stewart (o Capitão Picard em pessoa, de TNG), que também é um dos produtores da série, e muitos atores que estiveram nas séries anteriores como Jeri Ryan (a 7 de 9 de Star Trek: Voyager), além de pontas dos atores Jonathan Frakes (Riker), Marina Sirtis (Deanna Troi) e Brent Spiner (Data), e um novo elenco de atores, que contracena com o velho comandante estelar, a série se passa 20 anos após os eventos de Star Trek: Nemesis (2002) e é afetada pela destruição de Romulus no filme Star Trek (2009) de outra linha temporal.

A primeira temporada lançada em 2020 totalizou 10 episódios, e ao final chegou a dividir novamente os fãs da franquia, mesmo os mais nostálgicos. No site agregador Rotten Tomatoes, a série obteve um índice de aprovação de 87% e uma nota média de 7,82/10, baseada em 65 resenhas. O consenso do site era: “Liderado pelo incomparável Patrick Stewart, Picard se afasta do protocolo da Frota Estelar com uma história serializada mais lenta, mas como todo grande Star Trek, encara temas oportunos com graça e acaba sendo um avanço excitante para uma nova fronteira”.

Conseguindo a aprovação para uma segunda temporada, os showrunners da série serão Akiva Goldsman e Terry Matalas (entrando no lugar de Michael Chabon, que está saindo para assumir um novo projeto) mas a pandemia fez os planos de filmagens serem adiados. No começo de 2021, o ator Patrick Stewart conseguiu se vacinar e finalmente as filmagens da nova temporada começaram em definitivo em fevereiro de 2021. Novamente estão programados 10 episódios nesta nova temporada. Mesmo abandonando o cargo de showrunner, Michael Chabon escreveu dois episódios, e novamente Jonathan Frakes irá dirigir alguns deles.

Após o final da primeira temporada, Chabon e Goldsman disseram que a segunda temporada não iria ignorar o fato de que a consciência de Picard agora está em um corpo sintético, com Chabon afirmando “nós definitivamente não queremos fingir que esses eventos nunca aconteceram”. Chabon disse que o enredo dos refugiados romulanos da primeira temporada seria mais explorado na segunda “de certa forma”, e acrescentou que a USS Enterprise não foi revisitada na primeira temporada porque os escritores não queriam incluí-la em um momento descartável. Ele disse que uma aparição completa da Enterprise estava sendo considerada para a segunda temporada, mas uma decisão final sobre isso não havia sido tomada pelos escritores até o final de março de 2020. Em junho, Goldsman disse que a tecnologia e cultura da Frota Estelar seriam exploradas mais na segunda temporada após a primeira temporada ser sobre “alguém que está fora da Frota Estelar”.

Finalmente em 5 de abril de 2021, durante a celebração do “Dia do Primeiro Contato”, a Paramount + (canal que assumiu o CBS All Access) lançou um teaser, indicando a volta de um velho conhecido de Picard… o personagem ‘Q’, interpretado por John de Lancie, que logo após confirmou seu retorno a Star Trek.

Ainda não existe uma data para o retorno da série, mas isto só deverá acontecer em 2022… Aguardemos !!! A primeira temporada está disponível no Brasil no Amazon Prime.

 

Star Trek: Low Deck (2ª Temporada)

ST: Low Deck foi a primeira série animada de Star Trek, desde a série animada dos anos 70, que continuava as histórias da tripulação original da USS Enterprise (conhecida como TOS). Uma aposta alta que deu um bom resultado. Apesar de animada, Low Deck é canônica e dedicada ao público adulto e se passa na era de ST: A Nova Geração, e faz parte de uma expansão da franquia Star Trek liderada pelo produtor executivo Alex Kurtzman. Mike McMahan, criador da comédia de animação Solar Opposites é o showrunner desta série. Ela é ambientada nos conveses inferiores da USS Cerritos (NCC-75567), uma “nave irrelevante na Frota Estelar”, no ano de 2380. A missão da USS Cerritos é estabelecer o segundo contato com novas civilizações, o que inclui atividades burocráticas, protocolos e transporte de suprimentos.

Com a segunda temporada já sendo produzida, McMahan garantiu que sua produção continua a todo o vapor em entrevista para o para o canal do Youtuber Ketwolski em dezembro de 2020: “Eu posso te dizer agora, estamos muito envolvidos na produção. Não só está tudo escrito, mas tenho o Episódio 209 para assistir esta semana em formato animatic – e já enviamos os primeiros 4 episódios para os departamentos de coloração.”

Ele também indicou que a sala dos roteiristas se sentiu mais livre na 2ª temporada para deixar a imaginação correr solta, já que eles não estavam presos à responsabilidade de ter que configurar e explicar ao público sobre o que a série era.

“Para a segunda temporada, porque não precisamos explicar o que era a série para nós mesmos ou para o público, você consegue alguns episódios realmente divertidos da Dra. T’Ana [Gillian Vigman]… até mesmo um episódio engraçado do Billups [Paul Scheer]. Ele é um favorito secreto dos escritores.”

Em 5 de Abril, durante o evento celebrando o “Dia do Primeiro Contato”, foi revelado a data de estreia da 2ª temporada: 12 de Agosto de 2021. McMahan, apresentou um teaser da nova temporada. E não foi só isto, a terceira temporada está garantida para a estreia em 2022 !

 

Star Trek: Stranger New Worlds (1ª Temporada)
Durante a produção da 2ª temporada de Star Trek: Discovery, fomos apresentados à tripulação da icônica USS Enterprise… comandada pelo antecessor do Cap. Kirk, o Capitão Christopher Pike (Anson Mount), com ajuda da Number One (Rebecca Romjin) cujo nome correto é Una, e o jovem oficial de ciências Sr. Spock (Ethan Peck). Apesar da aparição ter sido muito bacana e fantástica para os fãs mais antigos, remetendoa  episódios clássicos da TOS: The Cage e The Managere, o fim daquela temporada, abriu uma nova possibilidade para a USS Discovery para se aventurar 950 anos no futuro. Mas infelizmente, foi o fim das aventuras daquela tripulação da Enterprise.

Mas uma boa notícia foi a segunda temporada dos curtas de Star Trek: Short Treks (2018-2020), trazendo uma surpresa para os fãs: a volta daquela tripulação reaproveitada em 3 episódios: Q&A (com o jovem Spock em seu primeiro dia na tripulação da Enterprise, preso no elevador com a primeira-oficial, Number One), The Trouble with Edward (trazendo uma ex-tripulante da Enterprise às voltas com seu primeiro comando que envolve os… pingos) e Ask Not (na qual uma tripulante é confrontada com o Cap. Pike, que pode estar… se amotinando!). Estes Short Treks pareciam ser uma despedida decente para aquela tripulação, só que elevou mais ainda o pedido para uma série exclusiva dela com uma campanha muito forte nas redes sociais.

strange Trek Universe - Atualizações da Franquia Star Trek - 1º Semestre/21

Então, o chefe da franquia Alex Kurtzman foi convencido pelo produtor Akiva Goldsman a criar uma nova série. O desenvolvimento foi iniciado em março de 2020 e a CBS All Access oficialmente a comprou em maio anunciado o material como Star Trek: Strange New Worlds. Eles confirmaram o elenco principal, a equipe criativa, incluindo Goldsman e Henry Alonso Myers como showrunners. A gravação da primeira temporada foi confirmada para o CBS Stages em Mississauga, Canadá, de fevereiro até julho de 2021. O próprio Goldsman, também foi escolhido para dirigir o piloto e em abril/2021, durante entrevista ao site The Hollywood Reporter, ele revelou sobre como esta produção:

“É diferente dos outros programas pois é realmente episódico… Então, (co-showrunner) Henry Alonso Myers e eu estamos tentando servir a isso. Todos nós ficamos muito enamorados, inclusive eu, com a narrativa serializada… Mas Strange New Worlds é uma aventura da semana, mas com arcos de personagens serializados.

E sobre as filmagens do episódio piloto, ele revelou:

“Foi super divertido e já terminei quase tudo. Houve certas cenas que não pudemos filmar em Toronto, por causa da quarentena – em termos de limites no número de extras [em uma cena] – que irei voltar e terminar em breve, espero. Mas há algo extraordinário sobre um grupo de pessoas se reunindo para fazer algo novo; você está cercado de pessoas que ficariam perfeitamente felizes de estarem no palco de uma convenção de Star Trek, que é um pouco diferente de uma série típica.”

Além disto Goldsman revelou que vai haver alguma mudança nos designs de uniforme e cenário em relação ao que foi visto na segunda temporada de Discovery para se alinhar mais com a série original: “Sim. É uma linha tênue porque, obviamente, queremos manter a continuidade com a narrativa e o estilo, mas também queremos que Strange New Worlds seja um programa diferente, não será Discovery”.

De acordo com o site Deadline, um ator (não foi divulgado o nome) que voou para Toronto para um papel de convidado especial na série Star Trek: Strange New Worlds testou positivo para coronavírus. Após o resultado, foi feito um rastreamento de contatos realizados pelo ator no set, e as pessoas em contato direto ou próximo foram colocadas em quarentena. Ninguém mais testou positivo, neste momento. Mas, de acordo com fontes do site, a produção não foi afetada e a série ainda está sendo filmada.

A previsão é que a série deva estrear na Paramount + em 2022, ainda em uma data a definir.

 

Star Trek: Prodigy (1ª Temporada)

Além da série animada ST: Low Deck, outra série animada também entrou em desenvolvimento, ST: Prodigy, que está sendo desenvolvida pelos irmãos Dan e Kevin Hageman (Trollhunters e LEGO Ninjago), com Ben Hibon (Codehunters) escolhido o diretor da animação e também produtor executivo. Será uma série voltada totalmente ao público infantil, para se formar novos fãs de Star Trek desde pequenos. Uma convidada especial para a dublagem de um dos personagens será a atriz Kate Mulgrew, que retorna como Capitã Janeway (que comandou a USS Voyager)

prodigy Trek Universe - Atualizações da Franquia Star Trek - 1º Semestre/21

Star Trek: Prodigy é sobre essa tripulação heterogênea de alienígenas que não sabe nada sobre a Federação. E depois que eles encontram e comandam esta misteriosa nave perdida da Frota Estelar, eles têm que descobrir as coisas muito rapidamente enquanto aprendem a trabalhar juntos, enquanto navegam pelo grande universo em busca de um futuro melhor.

Dan Hageman deu alguns detalhes da nova série:“Há uma curiosidade saudável sobre a série, uma vez que muito pouco foi revelado. A pergunta constante que recebemos é: Como a capitã Janeway está envolvida? O que queremos revelar hoje é que Prodigy ocorre no ano 2383. Isso é depois de Voyager. E assim, como vocês já sabem, está no quadrante Delta. Como essa tripulação nunca ouviu falar da Frota Estelar, porque estão literalmente a 70.000 anos-luz de distância, eles irão descobrir algo nesta nave, que não apenas irá guiá-los pela galáxia, mas também será um representante dos valores compartilhados, da Federação. Eu só quero dizer isso. Se você olhar para o conceito da nossa série, é uma história sobre um monte de novos personagens viajando para o universo Trek. Haverá vínculos com o cânone? Sim, haverá muitas surpresas realmente divertidas.”

A atriz convidada Kate Mulgrew comentou sobre a nova serie animada: “Quando os Hagemans insistiram em torná-la tão bonita, eu disse: ‘Acho que você tem que modificar sua beleza.’ Não pode ser tanto. Tivemos essa discussão que durou meses. E então eu disse, ‘vamos apenas modificar o queixo’, e eles mudaram. Conversamos um pouco sobre seu rosto, seu cabelo – que tem um pouco de mitologia própria, e seu ser. Mas eles são terrivelmente generosos. Foi colaborativo e divertido. Tudo sobre isso tem sido divertido!”

Star Trek: Prodigy, estreará ainda em 2021, ainda em uma data a definir.

 

Star Trek: Section 31 (1ª Temporada) e outras séries…

Quanto à série Seção 31, anunciada pela primeira vez em janeiro de 2019, o spinoff liderado por Michelle Yeoh, de Star Trek: Discovery, centrado em torno das façanhas da ex-imperatriz  terráquea Philippa Georgiou nas fileiras da Seção 31, tem sido discutido há dois anos, com atualizações ocasionais sobre o desenvolvimento da história ao longo desse tempo.

Conforme vimos, Philippa Georgiou finalmente partiu de Discovery na 3° temporada passada, no episódio de duas partes, Terra Firma, enviando a personagem de volta ao passado, por meio do Guardião da Eternidade, para um tempo e lugar desconhecidos.

sessao31 Trek Universe - Atualizações da Franquia Star Trek - 1º Semestre/21

Na entrevista à  Variety, Alex Kurtzman e Julie McNamara discutiram como anda o desenvolvimento da serie da Seção 31, e como a expansão adicional da franquia provavelmente não chegará às telas por algum tempo, incluindo pelo menos um daqueles programas ‘secretos’ que Alex Kurtzman nos informou pela primeira vez em janeiro passado. Eles disseram que ainda há conversas sobre uma nova série Star Trek, em torno de Philippa Georgiou, com a atriz Michelle Yeoh, e a misteriosa Seção 31, e há outros programas de Star Trek em desenvolvimento, que não foram anunciados anteriormente. Mas eles enfatizaram que a atual lista de cinco séries provavelmente não se expandirá mais, até que pelo menos uma das séries termine.

Embora houvesse algumas expectativas de que a série da Seção 31 poderia ter sido levada à pré-produção no início de 2020, antes da covid-19, combinações de atrasos pandêmicos, o compromisso de Michelle Yeoh de estrelar Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis da Marvel Studio, e potencialmente o maior interesse dos fãs em Strange New Worlds, liderado pelo capitão Pike (Anson Mount), adiaram o projeto para mais um tempo, saindo da prioridade dos produtores.


[RM-RS – Deadline | CBS/Paramount | Trekbrasilis ]

Avaliação
The following two tabs change content below.
AvatarBlogger-150x150 Trek Universe - Atualizações da Franquia Star Trek - 1º Semestre/21

Maxiverso

A equipe do Maxiverso é composta de redatores e escritores especialistas em diversas áreas, de modo que as notícias postadas serão sempre redigidas e revisadas pelos membros mais qualificados de nosso time.

11 comments

  • Avatar
    Ita JR:

    Maxiverso, o que houve que ST de patinho feio e quase sujeito ao engavetamento, de repente tem varios projetos engatilhados? O que mudou? Foi o sucesso dos filmes novos?

    • Ricardo Melo
      Ricardo Alves de Melo:

      A meu ver uma nova forma de fazer séries, desde a entrada da Netflix no mercado. O formato de 22 episódios por temporada, já não é mais o padrão para séries. Os canais de TV e TV a cabo estão sendo substituídos por streams e estão investindo bastante. A grana que fazia uma série grande, hoje faz séries menores e sem o problema de ter que entregar rápido.

  • Avatar
    Sarinha:

    Discovery é legal sim, naomerece o hate que leva, tudo bem que tem episodios beeeem parados mas é legal sim

  • Avatar
    Rasta Man:

    muito boa essa materia pra gente ficar sabendo o que ta rolando de ST por ai parabens

    • Ricardo Melo
      Ricardo Alves de Melo:

      Obrigado. Aqui Star Trek Rulles !!!

  • Avatar
    Frank:

    Ja faz tempo que anunciaram essa Low Deck, mas acho que no começo a ideia era outra ne, pq a primeira projeção foi de que se chamaria “Low Decks”, no plural, nao? Entao ia mostrar varios decks e nao apenas um.

    • Ricardo Melo
      Ricardo Alves de Melo:

      Sim, eles vão pegando as respostas do fãs e preparando aquilo que a audiência acha melhor.

  • Avatar
    PPT 3S:

    Não sei onde vcs conseguem essas informações mas eu nunca tinha ouvido falar do tal seriado de Section 31, vlw mesmo

    • Ricardo Melo
      Ricardo Alves de Melo:

      Star Trek Section 31 foi anunciado em 2019, durante a 2° temporada de Discovery…com o sucesso do personagem do Cap.Pike neste mesma temporada, resolveram jogar a série mais pra frente e atender os fãs para uma série só dele. E a informação que chega agora é que ela só será feita, após uma das atuais 5 séries, terminar…então pode demorar…

  • Avatar
    BKPromo:

    Alguem pode me dizer sobre o que afinal é a série Picard? É canon? É de outra linha de tempo ou outra realidade?

    • Ricardo Melo
      Ricardo Alves de Melo:

      Sim, é canon, a série se passa 20 anos após os eventos de Star Trek: Nemesis (2002) e é afetada pela destruição de Romulus no filme Star Trek (2009).

leave a reply

Contate-nos

Contate-nos por email ou nos procure nas redes sociais

soleblog.brasil@gmail.com

  • Top 7 personagens icônicos de séries
  • Top 7 Filmes diferentes do convencional
  • Top 7 Maiores Compositores de Trilhas Sonoras do Cinema
  • Top 7 robôs mais importantes da ficção II
Back to Top